quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Presença de Judeus em Ponte de Lima




Na vila mais antiga de Portugal



Ponte de Lima é uma vila portuguesa no Distrito de Viana do Castelo, região Norte e sub-região do Minho-Lima, com cerca de 2 800 habitantes. É caracterizada pela sua arquitectura medieval e pela área envolvente, banhada pelo Rio Lima.

É sede de um município com 320,26 km² de área e 43 498 habitantes (2011), subdividido em 51 freguesias. O município é limitado a norte pelo município de Paredes de Coura, a leste por Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, a sueste por Vila Verde, a sul por Barcelos, a oeste por Viana do Castelo e Caminha e a noroeste por Vila Nova de Cerveira.

Localidade muito importante desde a era Romana, possuiu um Palácio da Corte do Reino de Leão, documentado por achados arqueológicos e outros documentos escritos. Recebeu foral de Dona Teresa em 4 de Março de 1125, sendo a vila mais antiga de Portugal.



A Judiaria de Ponte de Lima existiu durante os séculos XIV e XV, e o acesso à velha Rua da Judiaria era realizado através do Arco da Porta Nova.



Arco da Porta Nova


Entre a Capela e a Torre da Cadeia, resta um dos poucos entalhes da muralha medieval que subsistiram até aos nossos dias, logo atrás do qual fica a  Judiaria. (...)






A comunidade judaica era a principal organizadora da feira local. Desde então, nas segundas segundas-feiras de cada mês, ainda é realizada a mesma feira, oferecendo às pessoas uma excelente oportunidade de descobrir e comprar algum do rico artesanato local.




A imagem retrata a feira quinzenal de Ponte de Lima, nos começos do século XX,
 segundo um postal ilustrado da época.




Fontes:



Nenhum comentário:

Postar um comentário