segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Judiaria de Almada!



A centralidade da Rua da Judiaria na transição para o século XX


Vista do tejo a partir da cidade velha de Almada


A Rua da Judiaria é uma das artérias reconstruídas após o terramoto de 1755, localiza-se no núcleo da antiga vila de Almada. Os materiais existentes e excedentes da recuperação de Lisboa serviram a técnica da “gaiola pombalina” na construção das novas habitações: os materiais derrocados foram usados para o enchimento das alvenarias e as paredes foram reconstruídas utilizando a pedra e a cal.



No século XIX, a Rua da Judiaria era lugar de passagem para a Calçada da Barroca onde estavam localizadas a sede da Administração do Concelho (até cerca de 1890) assim como, a Repartição de Finanças de Almada. 


Foto: Escadaria da Rua da Judiaria para o elevador




Paralela à Rua da Judiaria localiza-se a antiga Rua do Açougue, actual Rua Henriques Nogueira, conhecida por albergar o antigo matadouro e a abegoaria municipal, que, a partir de 1913, serviu de sede aos Bombeiros de Almada.



Desenho de Pedro Cabral da Rua da Judiaria


Durante o século XX, o crescente dinamismo urbano de Almada com o consequente alargamento da malha urbana, loteamentos e novas construções na estrutura antiga da cidade levantou, na década de 1980, a discussão municipal sobre a preservação, protecção, valorização e estudo patrimonial de núcleos antigos com importância histórica para o Concelho.




A Rua da Judiaria continua a ser hoje uma zona maioritariamente residencial. Ao longo do século XX, entre os residentes mais conhecidos, destacam-se o professor, associativista e preso político tarrafalista, Alberto de Araújo e Isaura Pereira, conhecida como Isaura “do João da Lenha”, por, no período de ditadura salazarista, ter sido constante no apoio aos presos políticos e famílias de Almada, visitando-os, levando e trazendo correspondência.


Este artigo serve apenas como informação da existência de judeus nesta cidade que ali viveriam essencialmente, mas não só na Rua da Judiaria na parte velha da cidade de Almada, na altura ainda Vila. Caso alguém tenha mais informações precisas desta judiaria, agradeço o favor de me contactar através do email: zivavsarah@gmail.com. Eu não consegui reunir informação suficiente. Desde já o meu muito obrigada. ZD 



Mapa de Almada Velha


Fontes:


Nenhum comentário:

Postar um comentário