domingo, 20 de outubro de 2013

Um Pintor Judeu de origem Portuguesa



José Teixeira de Mattos




José Teixeira de Mattos (Amsterdam, 29 Julho 1892 - Paris, 22 de Junho 1971) foi um holandês desenhador e pintor, e descendente de uma família judaica portuguesa de artistas, a família Teixeira de Mattos.





Ele era o mais velho dos dois filhos de Jacob Teixeira de Mattos e Abigael Lopes Cardozo. Ele intitulava-se um autodidata.








Mas na verdade, ele teve o apoio do pintor e artista gráfico Samuel Jessurun de Mesquita (1870-1944)... 









...e do seu primo, (aqui representado num retrato feito por ele), o escultor José Mendes da Costa (1863-1939), ambos os artistas judeus e portugueses.





José Teixeira de Mattos inicialmente pintou muitos retratos, incluindo o do seu irmão assim como o dos pais que foram retratados diversas vezes. Ele também desenhou muitas paisagens urbanas, mas a sua grande paixão era para desenhar animais. Por isso, ele visitava regularmente Artis para os imortalizar usando modelos são tão naturais quanto possível.




Em 1927, ele tornou-se membro dos artistas Ponte e, em 1934, também dos artistas Independentes e Arti et Amicitiae. Desta forma, ele veio a ter mais contato com seus colegas e tinha uma maior possibilidade de mostrar o seu trabalho ao exterior.







Muito de seu trabalho é parte da colecção permanente do Museu Teyler em Haarlem.


Em 1923 ele casou-se com Susanna Charlotte Rodrigues de quem se divorciou em 1929. Durante este casamento eles viveram em Zandvoort e mais tarde em The Hague. Em Março de 1935 ele casou-se com a dinamarquesa Ellen Hansen e em 1938 o casal mudou-se para Paris, onde José morreu em 1971. Teixeira de Mattos foi enterrado no Cimetière du Montparnasse.



Fontes:

Nenhum comentário:

Postar um comentário