quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Mishná - 3ª Ordem | Nashim



Nashim





Nashim ("Mulheres" ou "Esposas") é a terceira ordem da Mishná (também da Tosefta e do Talmude), e contem as leis respeitantes às mulheres e à vida familiar judaica. Das seis Ordens da Mishná, é a segunda mais curta. 





A ordem consiste em sete tratados:


1-  Yevamot (יבמות, "Casamento de levirato").
2-  Ketubot (כתובות, "Acordo nupcial").
3-  Nedarim (נדרים, "Votos").
4- Nazir (נזיר, "Abstinente").
5-  Sotá (סוטה, "Mulher suspeita de adultério").
6- Guittin (גיטין, "Atestado de divórcio").
7- Kiddushin (קידושין, "Noivados").




A razão tradicional para o ordenamento destes tratados, de acordo com o Rambam, também conhecido como Maimónides, é a seguinte:


Yevamot é o primeiro porque, ao contrário dos restantes, refere-se em grande parte a um preceito obrigatório (o casamento de levirato), em oposição a um preceito voluntário.

Ketubot segue-se porque significa o começo da vida de casado.

Nedarim, porque quando um homem se casa com uma mulher, ele tem o direito legal (sob certas condições) de anular os votos que a sua esposa tenha feito.

Nazir, referindo-se a um tipo específico de voto, é uma continuação do assunto de votos ou juramentos.




As penúltimas secções lidam com o término do casamento, com Sotá que diz respeito à infedilidade e Guittin, sobre o próprio divórcio (a ordem de Rambam troca estes dois tratados).





Fontes:

Nenhum comentário:

Postar um comentário