sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Cartas de Lisboa | Ki Teitzei





Um dos mais famosos rabinos nascidos em Portugal foi o Rabino Ya’akov Tsemach. Nascido em Lisboa, no início do século XVII, exerceu medicina antes de emigrar para a Terra de Israel e se tornar um bem conhecido cabalista.

Um escritor prolífico, o Rabino Tsemach liga o versículo de abertura da Parsha desta semana com o mês de Elul, o tempo que precede Rosh Hashaná e o Ano Novo judaico.



A nossa Parsha começa com a descrição de uma situação de guerra investigando o significado místico do verso. "Se você vai para a guerra", Devarim (21:10) Cada pessoa está em constante batalha, com a "Ietzer Hara", a nossa inclinação interior para o mal, que precisa de ser combatida.



Ao fazê-lo, quando se pretende erradicar a negatividade dentro de nós, o versículo dá-nos uma garantia:  “e D-us, o teu D-us entrega-os nas tuas mãos." Todos os desafios, informa-nos, serão superados. O versículo continua: "e você vê entre os cativos." Quando eliminamos os comportamentos e hábitos impróprios descobrimos a Neshama, a nossa Alma.



Isto, diz o Rabino Tsemach, é a chamada do mês de Elul, e a preparação adequada para o novo ano.

Quando cavarmos profundamente e removemos todos os obstáculos, podemos deixar a nossa essência brilhar, com todo o seu potencial.


Shabat Shalom!
Cortesia do Rabino
Eli Rosenfeld
chabadportugal.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário